Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Apoptose

Compartilhe em suas redes sociais:

Apoptose



Apoptose é um tipo de morte celular programada, processo necessário para a manutenção do desenvolvimento dos seres vivos, pois está relacionada com a manutenção da homeostase e com a regulação fisiológica do tamanho dos tecidos e também, quando há estímulos patológicos.


Existem diversos processos distintos, além da apoptose, que resultam em morte celular como: autofagia, necrose, mitose catastrófica e senescência. No ano de 1964, foi proposto o termo “morte celular programada” para designar o processo que ocorre de uma forma não acidental. Já no ano de 1972, Kerr, Wyllie e Currie sugeriram o nome apoptose para este processo.


Como foi dito anteriormente, a apoptose pode ter causas fisiológicas e patológicas.


Apoptose Causada por Estímulos Fisiológicos


É útil na manutenção do equilíbrio interno dos organismos multicelulares, sendo que nos humanos pode ocorrer em certas situações, como:


  • Nos casos de involução de estruturas fetais durante o desenvolvimento embrionário do feto;

  • Situações de corte no suprimento de hormônios estimulatórios (como menopausa);

  • Tecidos onde há uma constante renovação celular;

  • Apoptose estimulada pelo linfócito T citotóxico;

  • Após uma resposta imunológica do organismo a um agente biológico;

  • Nas células fibrosas que originam o cristalino.


Apoptose Causada por Patologias


  • Casos de lesão do material genético (DNA) da célula, através de estímulos radioativos, químicos ou virais;

  • Nos casos de lesão por isquemia ou hipóxia pode resultar em necrose ou apoptose. Certos estímulos à morte celular por necrose também desencadeiam a morte celular por apoptose.


src=


Este processo ocorre muito rápido, sendo que primeiramente há a retração celular, que gera perda de aderência com a matriz extracelular e células vizinhas. Com exceção das mitocôndrias, que podem apresentar ruptura da membrana externa, as outras organelas mantêm sua morfologia. Por conseguinte, a cromatina se condensa e se concentra próxima à membrana nuclear. Logo após, a membrana celular gera prolongamentos, havendo desintegração nuclear. Esses prolongamentos aumentam de número e de tamanho e se rompem, dando origem a estruturas contendo o conteúdo nuclear. Estas partes envoltas pela membrana celular recebem o nome de corpos apoptóticos, sendo esses fagocitados pelos macrófagos e removidos rapidamente para não resultar em um processo inflamatório.



Contatos dos Autores:
http://www.infoescola.com/citologia/apoptose/



O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:



Dicas de Profissionais do ramo pet e agropecuário:


bulletApresentando cães e gatos para que sejam grandes amigos

bulletDicas para cuidar dos pets em dias quentes

bulletFisioterapia animal

bulletMinha sela é adequada para meu cavalo?

bulletQual a filtragem ideal no meu aquário?


Ver todas as Dicas de Profissionais



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores



bullet Hemovet Laboratório e Centro de hemoterapia veterinária M.V. Simone Gonçalves CRMV SP 10141 Rua José Macedo, 98. Pq São Lucas F. 29188050

bullet Gabriela Costa CRMV 7955 RJ
gabriela@veterinariahome.com.br,
http://www.veterinariahome.com.br
whatsapp : (21)99600-7788

bullet Marcelo Pardini  http://www.infohorse.com.br/2017/10/13/precificacao/

bullet Dra Renata Avancini Médica veterinária, formada pela Universidade de Santo Amaro em 2007. Mestre e Doutora em Ciências pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da Universidade de São Paulo (USP), em 2009 e 2012 respectivamente. Graduada em 2014 no Curso de Especialização em Produção e Sanidade de Animais de Biotério pela FMVZ USP. Experi?ncia em clínica geral, medicina regenerativa, biotecnologia com concentração em células tronco e experi?ncia em doc?ncia na disciplina de Anatomia dos Animais Domésticos. Professora de Anatomia Veterinária da Faculdade das Metropolitanas Unidas (FMU) e na Universidade Paulista (UNIP). Médica veterinária na CURAVET. Contato: contato@curavet.com.br

bullet Dr. Ciro Pinheiro Mathias Franco Medico Veterinário atuante em odontologia eqüina. Cel. (11) 9814 6666 E mail: ciromedvet@ig.com.br

Ver todas as Dicas dos Colunistas




Letras de Música com temas Animais:


bulletPassaro de fogo e

bulletFui no itororó beber água, não achei mas achei a bela santos, e por ela me apaixonei...

bulletAndar com fé

bulletEu nasci há dez mil anos atrás

bulletFalou E Disse

Ver todas as Letras de Músicas




Cinema, Filmes e Seriados:


bulletUm peixe fora d água (mr baseball)

bulletErrado pra cachorro (who s minding the store?)

bulletRio

bulletBabe, o porquinho atrapalhado

bulletO miado do gato (the cat s meow)


Ver todos os filmes e seriados




Livros Animais

bulletA volta do gato preto

bulletO gato que tocava brahms

bulletFalando de passaros e gatos

bulletLivro dos passaros magicos, o

bulletGato que gostava de cenoura

Ver todos os Livros



Dinheiro / Notas Animais



Garoupa
R$ 100


Beija flor
R$ 1


Garça branca grande
R$ 5


Arara vermelha
R$ 10


Mico leão-dourado
R$ 20


Onça pintada
R$ 50


Tartaruga-de-pente
R$ 2


Lobo Guará
R$ 200


Ver todas as Notas e Moedas



Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos