Home Page > Dicas Veterinárias > Os segredos das pintas

Os segredos das pintas


E desde os primrdios da criao dos cavalos appaloosa, com as primeiras selees feitas pelos ndios, a busca por animais pintados sempre esteve entre as principais metas entre os criadores e realmente o entendimento das regras genticas relativas a esse assunto no fcil, porm existem alguns tpicos bsicos que ajudam muito em sua compreenso relembrando alguns conceitos de gentica, sabemos que todos os animais sexuados carreiam metade dos genes do pai e metade da m?e o principal gene responsvel pela cor branca na pelagem do appaloosa conhecido pelos geneticistas como o gene de leopardo e , ou e lp este o gene necessrio que um cavalo tem que ter para exibir o padr?o de pelagem branca que ns reconhecemos como pertencendo ao cavalo appaloosa podemos colocar aqui um gene padr?o de cavalos slidos, o gene que no carreia as caractersticas de pelagem appaloosa e denomin-lo como gene sd um cavalo que carrega um gene lp obrigatoriamente ter caractersticas appaloosa e e poder mostrar somente uma indicao mnima de sua presena, como uma despigmentao em genitais ou esclertica branca, mas se outros genes auxiliares do padr?o de branco tambm estiverem presentes, o cavalo poder ter muito mais branco em seu corpo, talvez tanto que ns o chamaremos de um leopardo e o gene lp dominante, portanto sempre quando herdado ir se apresentar fenotipicamente, ou seja, visualmente os animais que herdam de seus pais ou suas m?es um gene lp podemos geneticamente identific-lo como lpsd ou sd lp e existem appaloosas homozigotos? e diversas pesquisas realizadas nos anos 90 e posteriormente em 2002 por uma pesquisadora americana chamada sheila archer concluram que o appaloosa homozigoto (o animal que herda tanto do pai quanto da m?e o gene lp e = lplp ) seria reconhecido visualmente por um cavalo mantado porem sem as pintas da pelagem bsica sob a manta, como na figura 1 a manta pode s extender desde uma pequena poro da garupa at todo corpo, inclusive os animais despigmentados e brancos inteiros e para os animais heterozigotos ( lpsd ) visualmente poderamos reconhec?-los atravs de appaloosas com caractersticas e manta branca com pintas da pelagem bsica sobre as pintas, indiferente da extenso da manta como na figura 2 e como fazer para ter potros pintados? e sabendo que o gene lp que deve estar presente para que haja a expresso das pintas, ele que devemos buscar, agora que j sabemos identific-lo, devemos entender as regras matemticas que atribuem as chances de termos os produtos pintados atravs de cruzamentos de pais pintados heterozigotos ou homozigotos com m?es slidas, ou vice versa, de pais pintados com m?es pintadas htero ou homozigotos e homozigoto lplp x solido sdsd obrigatoriamente com as caractersticas appaloosa porm ser?o heterozigotos pois qualquer um dos dois genes do antecedente pintado ser lp e qualquer um dos dois genes do antecedente slido ser sd originando um animal lpsd e chances de nascer pintado= 100% extenso da variao da pelagem: tender a ser a metade da rea pintada do antecedente pintado mas pode variar heterozigoto lpsd x heterozigoto lpsd chances de nascer pintado: 75% chances de ser lpsd (heterozigoto)= 50% chances de ser lplp (homozigoto)=25% chances de ser sd sd (animal slido) 25% e heterozigoto lpsd e x slido sdsd
chances de nascer slido= 50% devemos lembrar que sempre a pelagem pintada ter a tend?ncia de se diluir, ou seja, o tamanho da manta dever ser a metade entre a rea pintada da m?e (que nesse caso 0%) e do pai (que no diagrama acima 100% animal heterozigoto leopardo) originando quando pintado um animal com a probabilidade de ter 50% do corpo pintado

Daniel Zacharias Zago Mdico Veterinrio Clnica Geral e Reproduo Equina 11 82627922

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do contedo animal acima! Ento compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Msica com temas Animais:

bulletAnjo e serpente

bulletDisparada

bulletVou bater asas

bulletEnquanto houver razes

bulletBurro Soberbo



Dicas Veterinrias:

bulletO que os ces devem comer

bulletCarapatos - babesiose e erliquiose

bulletComo manter seu gato saudvel

bulletComo escolher o seu co

bulletNeurectomia dos nervos digitais



Ver todas as Dicas Veterinrias
Colunistas - Veterinrios que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Equipe Agiliteiros>

bullet http://www.portaldoequino.com.br:3000/dicas/3>

bullet Sergio Lobato www.sergiolobato.com.br>

bullet Dra Renata Avancini Mdica veterinria, formada pela Universidade de Santo Amaro em 2007. Mestre e Doutora em Ci?ncias pela Faculdade de Medicina Veterinria e Zootecnia (FMVZ) da Universidade de S?o Paulo (USP), em 2009 e 2012 respectivamente. Graduada em 2014 no Curso de Especializao em Produo e Sanidade de Animais de Biotrio pela FMVZ USP. Experi?ncia em clnica geral, medicina regenerativa, biotecnologia com concentrao em clulas tronco e experi?ncia em doc?ncia na disciplina de Anatomia dos Animais Domsticos. Professora de Anatomia Veterinria da Faculdade das Metropolitanas Unidas (FMU) e na Universidade Paulista (UNIP). Mdica veterinria na CURAVET. Contato: contato@curavet.com.br>

bullet http://disneybabble.uol.com.br/br/pets/tratamentos alternativos para pets>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletJurassic park iii

bulletA fuga dos homens pssaros (the birdmen)

bulletBenji - o filme

bulletO filho do ace ventura

bulletTarzan



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletGato viriato

bulletO gato que tocava brahms

bulletUm gato indiscreto e outros contos

bulletLivro definitivo de dicas e sugestoes de jardinagem

bulletO gato de botas

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos