Home Page > Dicas VeterinŠrias > Viajando com seu c√£o

Viajando com seu c√£o


√Č cada vez maior o n√ļmero de pessoas que quer passar as f√©rias com seus c√£es. Mas viajar com um c√£o, no Brasil, ainda n√£o √© muito simples. A grande maioria dos hot√©is n√£o aceitam hospedar os peludos. Os que aceitam ter h√≥spedes de 4 patas t?m suas regras definidas √© sempre essencial respeitar o espa√ßo dos outros h√≥spedes.

Veja abaixo quais as provid?ncias para quem pretende passar as férias com seus peludos sem sustos.

Bagagem do c√£o

A bagagem do c√£o deve ser composta por itens b√°sicos.

middot; Guia e coleira

middot; Ração em quantidade adequada para os dias de férias. N?o conte com a possibilidade de encontrar a ração do seu cão apenas no destino

middot; Documentos do c√£o

middot; Potes para água e comida e outros utensílios como toalhas e a caminha do seu cão

middot; Farm√°cia b√°sica recomendada pelo veterin√°rio para casos de emerg?ncias

Sa√ļde

middot; Consulte o seu veterinário para que as vacinas e vermífugos estejam em dia.

middot; Em casos específicos, como as viagens para o litoral, é importante que se tenha em mente a precaução contra a dilofilariose, conhecida como acute;Verme do Coraçãoacute;.

middot; Se o destino for uma fazenda ou uma hospedagem rural, em meio a vacas, cavalos e outros cães, o cuidado deve ser para evitar pulgas e, principalmente, carrapatos. Assim, o ideal é aplicar uma dos xtra do antipulgas e do carrapaticida. Ao final do dia, convém fazer uma inspeção no cão, especialmente se for peludo, para conferir a presença de carrapatos. Lembre-se que os carrapatos transmitem babésia e a erlichiose, doenças graves e que podem levar seu cão á morte.

middot; Caroços suspeitos podem ser berne. Os bernes são causados pelas moscas varejeiras e causam coceira e irritação. N?o tente retirá-los sozinha ou com auxílio de acute;receitas mágicasacute;. O ideal é procurar um veterinário porque retirados de forma errada, os bernes podem infeccionar.

middot; Picadas de insetos também podem causar inchaços, especialmente se seu cão for alérgico. Procure informar-se com o seu veterinário sobre quais as medidas que podem ser tomadas nestes casos.

middot; Verifique com ele quais os medicamentos recomendados para que voc√™ tenha em sua farm√°cia b√°sica. √Č sempre mais f√°cil levar os rem√©dios de casa!

Transporte

middot; O tr√Ęnsito de c√£es e gatos fica dispensado da exig?ncia da GTA; para esse tr√Ęnsito, os animais dever?o estar acompanhados de atestado sanit√°rio emitido por m√©dico veterin√°rio devidamente registrado no Conselho Regional de Medicina Veterin√°ria da Unidade Federativa de origem dos animais, comprovando a sa√ļde dos mesmos e o atendimento √°s medidas sanit√°rias definidas pelo servi√ßo veterin√°rio oficial e pelos √≥rg?os de sa√ļde p√ļblica, com destaque para a comprova√ß√£o de imuniza√ß√£o anti-r√°bica.

O ideal é imprimir a resolução, evitando problemas durante a viagem.


Para viagens INTERNACIONAIS, o animal deve ter um Certificado Zoossanitário Internacional, CZI, emitido gratuitamente pelo Ministério da Agricultura. O CZI pode ser retirado no aeroporto, antes do embarque, ou na sede do Ministério da Agricultura de cada Estado. A validade é de oito dias. Confira ANTES DE EMBARCAR as políticas de quarentena do país de destino.

Os pa√≠ses que t?m restri√ß√Ķes mais severas s√£o a Inglaterra, Austr√°lia, Nova Zel√Ęndia e √Āfrica do Sul. Os c√£es e gatos s√£o confinados no aeroporto e liberados depois do per√≠odo de quarentena, que pode variar de 1 a 6 meses.

middot; A maioria das empresas de √īnibus aceita c√£es e gatos de pequeno porte, desde que eles tenham a documenta√ß√£o necess√°ria e viajem em caixas adequadas, normalmente no bagageiro, para n√£o incomodar os outros passageiros. Certifique-se das condi√ß√Ķes ANTES de adquirir a passagem.

middot; Se a op√ß√£o for pela viagem de carro, √© fundamental que o c√£o seja transportado em caixas de transporte apropriadas. No m√°ximo √© poss√≠vel transportar um c√£o no banco de tr√°s do ve√≠culo. Para essa op√ß√£o √© recomendado que seja usado um cinto de seguran√ßa pr√≥prio para c√£es. Essas recomenda√ß√Ķes atendem √°s normas estabelecidas pelo Novo C√≥digo Brasileiro de Tr√Ęnsito que prev? multas e perda de pontos na carteira de habilita√ß√£o caso essas normas sejam desrespeitas.

middot; Escolha os hor√°rios menos quentes para viajar e tenha em mente que ser?o necess√°rias paradas para dar √°gua e para que o c√£o possa fazer xixi ou coc√ī. O local das paradas deve ser bem escolhido. D? prefer?ncia, pare apenas em postos de gasolina e/ou postos rodovi√°rios. Evite parar no acostamento porque o movimento dos carros pode assustar seu c√£o.

middot; √Č prefer√≠vel n√£o alimentar o c√£o antes de sair para viajar. Prefira oferecer alimentos e petiscos ap√≥s o t√©rmino da viagem, garantindo assim que ele n√£o enjoe no caminho. Se n√£o for poss√≠vel, ofere√ßa a comida em menor quantidade e aproveite alguma das paradas no meio do caminho para ir completando a ra√ß√£o. Se voc√™ notar que durante a viagem seu c√£o est√° enjoado e/ou vomitar o melhor √© suspender completamente a comida e n√£o for√ßar o c√£o a comer.

middot; Se pretende viajar de avi?o, al√©m do atestado de sa√ļde, que poder√° ser fornecido pelo seu veterin√°rio, √© fundamental que a reserva seja feita com anteced?ncia porque as empresas a√©reas possuem um limite para o transporte de animais em cada v√īo. Algumas empresas aceitam transportar os pequenos na cabina junto com o dono. Os c√£es maiores viajam no compartimento de babagem e o peso √© cobrado como excesso de bagagem.
Algumas empresas a√©reas exigem que o animal seja sedado antes do v√īo. Consulte seu veterin√°rio para que ele informe a dose de tranquuml;ilizante necess√°ria.

Hospedagem

No Brasil ainda são poucos os hotéis que aceitam aceitam gatos e cães como hóspedes. A reserva deve ser feita com anteced?ncia a acima de tudo, a boa educação do cão é a garantia de férias bem curtidas. Veja aqui alguns estabelecimentos que aceitam cães:

Hotéis que aceitam cães

Algumas dicas de bom comportamento em hotéis:

middot; Nunca deixe seu c√£o destruir coisas no aparamento. Lembre-se que a boa impress√£o pode abrir portas para outros peludos e uma temporada desastrosa pode fech√°-las.

middot; Conduza seu cão, sempre, com guia e coleira. Respeitando sempre os outros hóspedes, que podem simplesmente não gostar de cães.

middot; Se o c√£o ficar no quarto, leve-o para fazer suas necessidades em local previamente combinado com a ger?ncia e RECOLHA AS FEZES de seu c√£o.

middot; Procur evitar que o seu cão arranje brigas com outros animais do local. E nunca perca seu cão de vista. S ele levar um coice, pode simplesmente arruinar seus planos de férias. Os cães acute;do localacute; também devem ser respeitados. Lembre-se que eles est?o na própria casa e o seu é apenas um visiteante.

Outros cuidados

middot; Prefira sempre passear com seu c√£o em hor√°rios menos movimentados.

middot; N?o leve seu c√£o √° praia. √Č contra lei e voc√™ ainda corre o risco de ser multado ou entrar em brigas com outros usu√°rios da praia.

middot; Identifique seu c√£o com nome telefone. Nunca s est√° livre de que ele se perca.

middot; Durante os passeios, leve sempre saquinhos para recolher as fezes de seu peludo.

middot; Acima de tudo, é importante lembrar que nem todo mundo adora cães e que mesmo quem gosta pode não querer brincar com o SEU cão. Evitando confusóes, você ajuda que outros cães sejam bem recebidos nos destinos.



http://www.fisioanimal.com/2011/03/viajandocomseucao/

O conteķdo presente no texto acima ť responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteķdo animal acima! Ent„o compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Mķsica com temas Animais:

bulletCrocodilo

bulletCanta, brasil

bulletPassaros

bulletRomaria

bulletReceita de Mulher



Dicas VeterinŠrias:

bulletGato medroso

bulletInseminação artificila em cães

bulletBeb?s e bichos de estimação, uma conviv?ncia possível

bulletRearticulação glenoumeral em cão com utlização de fisioterapia no pós cirurgico ortopédico

bulletExenteração



Ver todas as Dicas VeterinŠrias



Colunistas - VeterinŠrios que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Arlette Farias FISH GARDEN (19) 32365073 Campinas SP>

bullet Juliana Bortoletto Clinica Vet health, rua: jose gomes moreno, 50 terra nova 2 S?o Bernardo do Campo/SP , crmvsp 18.377 fone: (11) 41014260>

bullet carlos alexandre pessoa
médico veterinário (11) 99112330 www.animalexotico.com.br>

bullet Rosmeire de O.S.Jacinavicius CRMVSP 21580 Médica Veterinária acupunturista tel: 19 999971911 email: stuffzinha@gmail.com>

bullet Heloísa Helena Amaro>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletA verdadeira história do gato de botas (la véritable histoire du chat botté / the true story of puss n boots)

bulletO favor, o relógio e o peixe muito grande (the favour, the watch and the very big fish)

bulletQuigley - um cachorro pra l√° de humano (quigley)

bulletAs nove vidas de fritz - o gato (the nine lives of fritz the cat)

bulletBud, o c√£o amigo - air bud



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletMarley e eu

bulletAtlas colorido de anatomia veterin√°ria do c√£o e gato

bulletO gato que tocava brahms

bulletA perigosa vida dos passarinhos pequenos

bulletP√°ssaros amarelos

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEŕDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Crťditos