Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]


Home Page > Dicas Veterinárias > Cálculos do trato urinário / cristais composto de ácido úrico em cães

Compartilhe em suas redes sociais:

Cálculos do trato urinário / cristais composto de ácido úrico em cães


Urolitíase / urato pedras nos cães Urolitíase é um termo médico referindo-se ? presença de pedras ou cristais no trato urinário de um animal. Quando as pedras são compostas de ácido úrico, eles são chamados de cálculos de urato. Estas pedras também podem ser encontradas nos rins e nos tubos conectando os rins a bexiga do animal (ureteres). Enquanto estas pedras pode afetar qualquer raça do cão, Dálmatas, Ingl?s Bulldogs, e Yorkshire Terriers são mais suscetíveis ? condição. É também mais comum em cães machos que nas fêmeas, e, normalmente notado nos primeiros 3-4 anos de vida. É altamente provável as pedras ir?o recorrer após tratamento, mas o prognóstico para o animal é positivo. Sintomas e tipos de Enquanto muitos cães não mostram quaisquer sinais da doença, os sintomas mais comuns costumam lidar com as quest?es da micção. Estes podem incluir fluxos de urina anormal, dificuldade para urinar (disúria), sangue na urina, urina turva, e, finalmente, a incapacidade do total de urinar (anúria). Causas Cães que t?m uma conex?o anormal do vaso sanguíneo principal no fígado, chamado de anastomose portossist?mica, t?m uma incid?ncia maior de desenvolver esses tipos de pedras no trato urinário. Uma dieta composta por grandes quantidades de purinas ? encontrado na carne bovina, aves e peixes ? também podem causar esta condição. Diagnóstico Ultra-sons são muitas vezes realizados para determinar o tamanho, forma, e localização das pedras. Isso ajudará o seu veterinário para determinar um regime de tratamento apropriado. Bloodwork também será realizada para determinar s existem condições médicas subjacentes que causam as pedras. Tratamento Se seu cão é incapaz de urinar por causa de um bloqueio, a cirurgia é muitas vezes necessária. No caso de o cão tem uma conex?o anormal do vaso sanguíneo principal em seu fígado ? como mencionado acima ? cirurgia pode ser realizada a re-route fluxo de sangue. Medicamentos são prescritos ?s vezes para dissolver as pedras; este método leva cerca de quatro semanas para resolver completamente a condição. Prevenção Uma dieta baixa purina mostrou alguma promessa na prevenção da formação destas pedras.

internet

O conteúdo presente no texto acima é responsabilidade dos Autores citados

Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletVendedor de Jumento

bulletBoi soberano

bulletTocando em frente

bulletGavião cacuriá de dona teté

bulletChora viola



Dicas Veterinárias:

bulletPiodermite

bulletComo educar um cachorro surdo

bulletLigamento da articulação do ombro e as condições de tend?es em cães

bullet5 dicas para cuidar bem dos pelos do seu pet

bulletO momento certo de cruzar a sua cadela



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Claudia Niemeyer (11) 77130407 claudia@veterinariaaves.com.br www.veterinariaaves.com.br>

bullet GAAR CAMPINAS http://www.gaarcampinas.org.br>

bullet Sergio Lobato é Médico Veterinário, consultor e palestrante em Gestão da Inovação e Marketing em Medicina Veterinária. CRMV 4476. www.sergiolobatopetmarketing.blogspot.com>

bullet Sérgio Villa Santi>

bullet Flávia Raucci Facchinihttp://www.infohorse.com.br/2018/05/07/a criacao de cavalos paixao e zelo/>



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletO gato (dr seuss the cat in the hat)

bulletMarley e eu

bulletTubarao ii

bulletConfusão pra cachorro (dog gone)

bulletGato e rato (yu mao san xi jin mao shu)



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletO gato que tocava brahms

bulletA arca de noé

bulletGato que gostava de cenoura

bulletQuem e mais feliz: voce ou o seu cachorro?

bulletVira-lata? não! também sou cachorro

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos