Home Page > Raças & Espécies > Cães > Cesky terrier

Cesky terrier

ceskyterrier

País de origem: República Tcheca
Nome no país de origem: Ceský Teriér
Utilização: Originariamente uma raça criada para
caça à raposa e
ao texugo, hoje, no entanto,
atua mais como cão de companhia.
Sem prova de trabalho
RESUMO HISTÓRICO: o Cesky Terrier é o resultado de um cruzamento entre as
raças de um Sealyham Terrier macho e uma Scottish Terrier fê;mea, com o objetivo
de criar uma raça de Terrier de caça: leve, de membros curtos, bem pigmentada, com
orelhas caídas e práticas, fácil de tratar e de treinar. Em 1949, o Sr. Frantisek Horák
de Klánovice, perto de Praga, começou a aprimorar a raça fi xando suas características.
Em 1959, esses cães foram apresentados pela primeira vez e, fi nalmente, a raça foi
reconhecida pela FCI em 1963.
APARÊNCIA GERAL: terrier de membros curtos, formato retangular, pê;los longos,
bem construído e bem musculoso, com pequenas orelhas caídas.
MEDIDAS IDEAIS Machos
Fê;meas
Altura na cernelha 29 cm 27 cm
Comprimento do crânio 21 cm 20 cm
Largura do crânio 10 cm 9 cm
Perímetro torácico (atrás dos cotovelos) 45 cm 44 cm
Comprimento do tronco 43 cm 40 cm
COMPORTAMENTO / TEMPERAMENTO: equilibrado, manso, agradável e
alegre companheiro; fácil de treinar; um pouco reservado com estranhos; calmo e
gentilmente disposto.
CABEÇA: de fi gura longa, boleada, cunha não muito larga, com o plano do crânio
formando um stop bem marcado com a cana nasal.
REGIÃO CRANIANA
Crânio: moderadamente largo entre as orelhas e afi nando levemente em direção
às arcadas supraorbitais.
Protuberância occipital, fácil de apalpar; ossos da face
moderadamente proeminentes. Sulco frontal só um pouco marcado.
Stop: aparente, sem ser acentuado.
REGIÃO FACIAL
Tr ufa: escura e bem desenvolvida. Deve ser preta nos Terriers com a pelagem cinzaazulada,
e cor de fígado nos Terriers marromcafé
claros.
Cana nasal: reta.
Maxilares / Dentes: maxilares fortes. Mordedura em tesoura ou torquê;s; dentição
completa (a ausê;ncia de 2 M3 na mandíbula não deve ser penalizada). Dentes fortes
alinhados e inseridos ortogonalmente aos maxilares.
Lábios: relativamente grossos, bem ajustados.
Bochechas: malares moderadamente proeminentes.
Olhos: de tamanho médio, inseridos levemente profundos, com expressão amigável;
bem recobertos por sobrancelhas. Marrom ou marrom escuro nos cães cinzaazulados;
marrom claro nos marromcafé
claros. Rimas das pálpebras pretas nos cães cinzaazulados;
cor fígado nos marromcafé
claros.
Orelhas: de tamanho médio, caídas de forma a cobrir o orifício. Inseridas de
preferê;ncia altas e caídas achatadas contra às faces. Em forma triangular, com o lado
menor do triângulo na dobra da orelha.
PESCOÇO: de comprimento médio, forte, portado inclinado. A pele da garganta é
um tanto solta, mas sem formar barbela.
TRONCO: alongado.
Linha super ior: arqueada porque o lombo e a garupa são sempre moderadamente
arqueados.
Cernelha: moderadamente pronunciada; pescoço inserido preferencialmente alto.
Dorso: forte, de comprimento médio.
Lombo: relativamente longo, musculoso, largo e ligeiramente arqueado.
Garupa: fortemente desenvolvida, musculosa; garupa moderadamente angulada.
Garupa ligeiramente mais alta do que a cernelha.
Peito: mais cilíndrico que profundo; costelas bem arqueadas.
Ventre: amplo e ligeiramente esgalgado. Flancos bem cheios.
6
CAUDA: o comprimento ideal é de 18 a 20 cm; relativamente forte e inserida baixa.
Em repouso, portada pendente ou com uma ligeira curva na ponta; em alerta, a cauda
é portada em forma de sabre horizontalmente ou mais alta.
MEMBROS
Anter iores: os membros anteriores são retos, paralelos e de boa ossatura.
Ombros: musculosos.
Cotovelos: de certa forma livres, não virados nem para dentro nem para fora.
Patas: grandes; dedos bem arqueados e unhas fortes. Almofadas bem desenvolvidas
e duras.
Posteriores: membros fortes, paralelos, bem angulados e musculosos.
Per nas: curtas.
J arretes: relativamente altos, fortemente desenvolvidos.
Patas: menores que as anteriores.
MOVIMENTAÇÃO: fl uente, resistente, vigorosa, com boa propulsão. Galope mais
para lento, porém duradouro. Os membros anteriores se movimentam em linha reta.
PELE: ajustada, grossa, sem rugas ou barbelas, pigmentada.
PELAGEM
Pê;lo: longo, fi no, porém fi rme, ligeiramente ondulado, com o brilho da seda; não
muito exagerado. O Cesky Terrier é tosado à tesoura (clipping). Na região anterior
da cabeça, o pê;lo não deve ser aparado, formando assim sobrancelhas e barba. Na
região inferior dos membros, na linha inferior do peito e ventre, também não deve
ser aparado. Na preparação para exposições, o pê;lo da linha superior do pescoço,
nos ombros e no dorso deve ter o comprimento máximo de 1cm a 1,5 cm; deve ser
mais curto nas regiões laterais do tronco e na cauda; bem curto nas orelhas e faces,
na região inferior do pescoço, nos cotovelos, coxas e em torno do ânus. A transição
entre as regiões tosadas e não tosadas deve ser suave e jamais abrupta.
COR: o Cesky Terrier tem duas variedades de cor na pelagem:
· cinzaazulado
(os fi lhotes nascem pretos).
· marromcafé
claro (os fi lhotes nascem marrom chocolate).
Em ambas as variedades de cor, são permitidas marcas amarelas, cinza ou brancas
na cabeça (barba, bochechas), pescoço, peito, ventre, membros e em torno do ânus.
Ocasionalmente pode ocorrer um colar branco ou branco na ponta da cauda. A cor
básica, contudo, deve ser sempre predominante.
TAMANHO
altura na cernelha: entre 25 e 32 cm.
altura ideal: para macho: 29 cm.
para fê;mea: 27 cm.
O peso deve permanecer entre 6 e 10 quilos.



Gostou do conteúdo animal acima! Então compartilhe em suas Redes Sociais:

Letras de Música com temas Animais:

bulletCachorro amigo iridio e irineu

bulletGarganta

bulletTigresa

bulletFoi daquele jeito

bulletFalou E Disse



Dicas Veterinárias:

bulletPênfigo

bulletProlapso uretral em cães

bulletTorção gástrica em cães

bulletInsuficiência renal ? cães e gatos

bulletAdenocarcinoma da próstata em cães



Ver todas as Dicas Veterinárias



Colunistas - Veterinários que escrevem sobre temas aos leitores

bullet Manuelle Audino Rodrigues de Sá Médica veterinária CRMV 25073 fisiopet@yahoo.com.br>

bullet Beatriz Duarte Treinadora Especialista em Comportamento Canino Lord C?o Treinamento de Cães Ltda beatriz@lordcao.com.br>

bullet Susana Reinhardt Cintra Superintendente do Serviço de Registro Genealógico da Raça Bret?o, Zootecnista. ABCCBret?o (19) 38077974/ 97154545 (Susana). Email: cavalobretao@uol.com.br. André Galv?o Cintra Presidente da ABBCBret?o e Criador>

bullet Arlette Farias FISH GARDEN (19) 32365073 Campinas SP>

bullet Mariana LageMarques Médica Veterinária graduada pela Universidade Paulista em 2002. Mestre em Cirurgia pela FMVZUSP em 2008. Sócia Fundadora ABOV (Associação Brasileira de Odontologia Veterinária), 2002. Faço atendimento odontológico móvel. >



Cinema, Filmes e Seriados:

bulletPiranhas

bulletA lenda do homem crocodilo (the legend of gator face)

bulletUm homem, um cavalo, uma pistola (un uomo, un cavallo, una pistola / a man, a horse, a gun)

bulletSempre ao seu lado

bulletUma cilada para roger rabbit



Ver todos os filmes e seriados

Livros Animais

bulletEu não sou cachorro, não

bulletOs segredos dos gatos tudo para entender e ensinar o seu companheiro

bulletUm gato entre os pombos

bulletVida de cão

bulletExplicação dos pássaros

Ver todos os Livros

Digite aqui a palavra-chave


© Desde 2000 na Web - CONTEÚDOANIMAL.com.br - Todos os direitos reservados - Créditos